Caboclo da Lua

Encontrei esta publicação em outro site, a qual achei de muita inspiração, e também por se tratar de meu guia pessoal de trabalho, o Caboclo da Lua, reproduzo abaixo:

A madrugada, é o momento lírico do encontro da alma. Do eu interior, com o mundo silencioso, ornamentado pelo firmamento.
No brilho das estrelas, no imaginável que é o infinito, o ser se encontra mais perto de um ente superior. Deus..
Tão necessário, tão questionável, mas tão indispensável.
O Espaço nos parece mais leve, mais sutil, e o coração pode expandir em realidade, todo o seu sentimento.
E a sensibilidade vem mostrar, a pureza de sentimentos, muitas vezes guardada pelo excesso de afazeres, de um mundo Material.
A Aurora de um novo dia, é o reinício de mais uma jornada, de mais uma etapa a ser cumprida.
Feliz é aquele que entende, o quão bela é a vida, e a existência de um ser perfeitamente harmonizado.
No dia a dia, as atribulações muitas vezes, nos tiram a harmonia para com as nossas entidades. Mas um momento de silêncio, de reflexão, encontramos a presença majestosa de alguém que nos orienta, nos assiste, nos intui.
A presença se faz verdade. E na madrugada, vos encontrei, meu querido Caboclo da Lua. Meu pai, meu amigo.

Recebo vossas orientações, ensinando-me a percorrer um caminho difícil, porém amplamente recompensado em minha caminhada nesta passagem terrena. Onde a compreensão, o perdão, a ajuda para com o semelhante, devem estar presentes.
De um espaço infinito, de uma grandeza espiritual, a vossa presença é um marco, na vida de quem por vós renuncia, ajuda, busca através da caridade, merecer a vossa proteção.
Menino que fui, Homem que sou. Porém continuo um menino, perante o meu Pai.
Quão feliz seria, se pudesse transmitir a todos a Fé, a certeza, a verdade, a vitória que vós transmitísseis a todos que vos buscam e compreendem.
Quão seria belo o amanhecer, para aqueles que tem na vossa presença, o seu equilíbrio. No seu equilíbrio mental, espiritual, físico. E que após uma madrugada, pudessem dizer….
“Bom Dia! Meu Amigo, Meu Pai, Caboclo da Lua”

Babalorixá Paulo Newton de Almeida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: